Rombo em refinaria comprada no Japão é maior que em Pasadena

A empresa alvo de uma das maiores investigações de corrupção do país, a Petrobrás, teve prejuízo, de acordo como Valor Econômico, de US$ 1,95 bilhão com a compra da refinaria Nansei Sekiyu kk, em Okibnawa. O valor é maior que o registrado no negócio da Pasadena. De acordo com o site o Antagonista, a estatal encerrou as atividades da usina japonesa em abril do ano passado e, em janeiro, foi definitivamente fechada por decisão do conselho de administração. A refinaria japonesa foi colocada à venda várias vezes, mas não houve interessados.